GOSTOU DÁ UM CURTIR AI


Total de visitas: 78523
Noite bandida
Noite bandida

                       Noite bandida

É à noite que tudo acontece
Da janela do meu quarto vejo o dia findar-se
E com a noite mais uma esperança de que tu vais chegar
Tolo, eu sei que sou.
Por ter esperanças por um amor. Mas o que irei fazer
Se te amo e te venero e te ter é o que eu mais quero?
A noite ela chega, e da janela.
Paro a observar as luzes da cidade e me ponho a perguntar:
- Onde tu estás,
Razão do meu viver, proeza majestosa?
Sossego e pego a tua foto para te ver 
E não me esquecer da tua face que um dia eu beijei.
Logo o sono vem e eu peço a Deus 
Que me faça sonhar contigo.
Abro os olhos, e já é mais um dia sem tua companhia. 
Logo mais será mais uma noite.
E mais uma esperança 
De que por aquela porta tu entrarás.

Poeta Marcos Nascimento

topo